fundo parallax

O que é o clareamento dental?

O clareamento dental é um tratamento odontológico que tem como finalidade alterar a cor dos dentes do paciente, através da aplicação de substâncias químicas específicas para esse objetivo.

Antes de se submeter a um tratamento de clareamento dental o paciente deve realizar exames para verificar a existência de cáries ou outros fatores que podem aumentar a sensibilidade dos dentes tanto durante quanto após a realização do procedimento.

Quando é recomendado o clareamento dental?

O clareamento dental é um procedimento que tem como objetivo fazer com que você se sinta mais satisfeito com a sua própria imagem e de seu sorriso. Por ser um tratamento estético, a necessidade de realização decorre única e exclusivamente da vontade e da insatisfação do paciente com a coloração dos seus dentes.

Como funciona o processo de clareamento dental?

O processo de clareamento dental começa com o dentista realizando uma boa limpeza tanto nos dentes quanto na gengiva ao redor dos dentes que serão clareados. Nesse processo é utilizado um gel muito concentrado, que age diretamente na superfície dentária, fazendo com que ocorra o clareamento.

Depois de realizada a aplicação pelo dentista, você só precisa aguardar enquanto o produto age para que seja possível atingir o resultado esperado. Por ser uma substância muito concentrada, a aplicação do gel pode deixar os dentes mais sensíveis do que o normal.

Para evitar desconfortos causados pela sensibilidade decorrente do tratamento de clareamento dental você pode utilizar cremes dentais que contenham em sua fórmula flúor e nitrato, que vão ajudar a diminuir essa sensibilidade.

Clareamento combinado:

A técnica de clareamento combinado alia a eficácia do clareamento dental caseiro com a rapidez do clareamento de consultório. As sessões de clareamento no consultório diminuem bastante o tempo de uso das moldeiras em casa. Este fator serve como motivação para colaboração dos pacientes que desejam obtenção de ótimos resultados.

Quantas sessões são necessárias para clareamento dental?

Para definir a quantidade de sessões que devem ser realizadas em um tratamento de clareamento dental é preciso procurar o seu dentista, para que ele avalie a pigmentação atual dos dentes.

Normalmente não são necessárias mais de quatro sessões, com aproximadamente quarenta minutos cada, mas em muitos casos em apenas uma ou duas sessões os resultados já podem ser notados.

Existem casos onde mesmo após a realização dessas sessões a coloração dos dentes não se altera. Nessas situações é possível que essa seja a cor natural dos dentes, o que faz com que as substâncias aplicadas sejam inúteis para essa finalidade.

Nesses casos o mais indicado é que o paciente recorra a outras opções, como lentes de contato dentais ou facetas, que poderão deixar o seu sorriso mais branco.

Tipos de clareamento dental

O sucesso de um tratamento para clareamento dental está na união da aplicação de substâncias próprias para esse fim somadas ao uso de produtos no dia a dia que vão ajudar a potencializar os resultados do tratamento.

Os principais tipos de clareamento dental são:

Clareamento a laser: aplica-se o laser na região onde foi aplicado o gel com as substâncias clareadoras. Esse tipo de clareamento só pode ser realizado em consultórios odontológicos.

Fitas clareadoras: as fitas podem ser encontradas facilmente em qualquer farmácia e possuem uma quantidade menor de substâncias clareadoras, e são colocadas diretamente nos dentes.

Clareamento caseiro: é utilizado um molde de silicone com gel clareador que deve ser colocado nos dentes diariamente. O tempo de duração do tratamento é mais longo do que o clareamento a laser, mas os resultados podem ser bastante satisfatórios.

Existem também os métodos de clareamento dental caseiros, bastante conhecidos e muitas vezes passados de geração para geração.

Os mais conhecidos são:

Bicarbonato de sódio; Casca de laranja; Casca de banana.

Por mais que esses métodos possam trazer resultados, é importante sempre conversar com o seu dentista antes de realizar qualquer um deles.

Sucos muito ácidos e refrigerantes também precisam ser deixados de lado por um tempo para que não aumentem a sensibilidade dos dentes após o tratamento.

Clareamento dental pode ter efeitos colaterais?

O principal efeito colateral causado pelo clareamento dental é o aumento da sensibilidade dos dentes que foram submetidos ao tratamento.

Essa sensibilidade pode trazer desconforto para o paciente ao consumir bebidas e alimentos quentes ou frios, por exemplo.

Também pode ocorrer irritação na gengiva decorrente da aplicação do gel com substâncias clareadores, que tem uma fórmula bastante concentrada e pode irritar a mucosa da região onde foi aplicado.

Conclusão

Abrir aquele sorriso branco parecido com os das propagandas de creme dental é o sonho de muitas pessoas, e o clareamento dental pode ajudar a realizar esse desejo.

O tratamento é simples, precisa de poucas sessões para que os resultados sejam visíveis, possui poucos efeitos colaterais e a maioria das pessoas pode realizar esse procedimento sem maiores problemas.

Mesmo sendo um procedimento puramente estético, é preciso contar com a orientação de um dentista para que seja possível alcançar os melhores resultados.

Entre em contato e agende sua consulta para saber os próximos passos antes de realizar um tratamento de clareamento dental.

1
Seja Bem Vindo ao seu Dentista em Curitiba :)
Powered by